Introdução ao Objective-C – parte 1

Se você pretende desenvolver para MacOS e/ou iPhone, você deve ter levado em consideração aprender a programar em Objective-C. A boa notícia (talvez não para todos) é que Objective-C é muito parecida com C/C++ e Java, o que com certeza agiliza o aprendizado.

Não é o objetivo desse artigo, contar como ou porque a linguagem surgiu, mas se quiser informações a respeito, a página do Objective-C no Wikipedia é um bom lugar para começar.


Vamos começar mostrando como se invoca um método. Na verdade, em Objective-C um método não é invocado, o que acontece é que você envia uma “mensagem” para um objeto, e ele se encarrega de responder de maneira apropriada (mais sobre isso nos próximos artigos).

em Java:


user.doSomething();
user.setName("Alex");

em C:


doSomething();
setName("Alex");

em Objective-C:


[user doSomething];
[user setName:@"Alex"];

Como podem ver, apesar da sintaxe ser um pouco diferente, a chamada é bem intuitiva, a diferença é que ao invés de se chamar “objeto.metodo” (que também é suportado), usa-se a chamada entre colchetes com espaço “[objeto metodo:parametro]”.

Se para “enviar uma mensagem” para um objeto é um pouco diferente, associar o retorno é tão simples quanto nas outras linguagens:

Em “C++” seria algo assim:


string name = user.getNome();

Em “Objective-C”:


NSString *name = [NSString string];
name = [user nome];
[name release];

No exemplo acima, a string “nome” é alocada, o valor contido na proprieda “nome” do objeto “user” é associado a nossa string e então nossa string é desalocada.

Bom, agora que já fizemos o primeiro contato com a linguagem, no próximo artigo veremos como declarar e implementar classes.

One Reply to “Introdução ao Objective-C – parte 1”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *